Release

COMPANHIA BAOBÁ DE DANÇA – MINAS

 

 

A escrita é uma coisa, e o saber, outra. A escrita é a fotografia do saber, mas não o saber em si. O saber é uma luz que existe no homem. A herança de tudo aquilo que nossos ancestrais vieram a conhecer  e que se encontra latente em tudo o que nos transmitiram, assim como o baobá já existe potencial em sua semente.” (Tierno Bokar)

 

Criada em 1999, por Júnia Bertolino junto com o também bailarino e coreógrafo William Silva e o músico Jorge Áfrika, a Cia. Baobá de Dança – Minas surgiu para estimular e propor no cenário das artes cênicas de Belo Horizonte a representação e valorização das matrizes africanas presentes na identidade do povo brasileiro, retratados através da dança, música, poesia e teatro, a partir de pesquisas sobre a presença dessas matrizes no caldeirão da cultura nacional. Ano passado Cia. Baobá de Dança – Minascompletou 10 anos de trajetória com os espetáculos de dança, intitulado Ancestralidade: Herança do Corpo”. Concebido, dirigido e coreografado por Júnia Bertolino, sendo  que  o  penúltimo espetáculo  da  Cia  é Quebrando o Silêncio. Nas montagens atuais apresenta os espetáculos: Corporeidades Negras e Mulheres de Baobá.

O Trabalho conta com elenco 12 integrantes entre bailarinos, atores e percussionistas: Fred Santos, Jander Ribeiro, Tico Percussão, Lú Silva, Gabriela Rosário, Marisa Veloso, Júnia Bertolino, Yara Nascimento, Kênia Caroline, Victória Capilo, Tatiane Barbosa e Aidê Leandro (cabelos e figurino) O Espetáculo apresenta cantos populares e de artistas como Mamour Bá e Marilene Santos. Poemas: Conceição Evaristo, Júnia Bertolino, Jú Faria, Jorge África e Evandro Nunes. Nas montagens da Companhia Baobá de Dança – Minas, a cultura popular e a arte negra tem sido fontes de pesquisas e aprendizagens constantes. A Companhia procura mostrar através da teatro, o canto, a música e  a  dança valores e  temáticas importantes da  cultura africana e  afro-brasileira como a oralidade, memória, ancestralidade e identidade, sobretudo notório saber dos  mestres populares e  a  valorização da cultura de  matriz  africana.

Dentre os trabalhos as coreografias:, Ritual da Graça, Dança Ancestral, Árabe Dance, Africana, Djembola, Guerreira, Afro Brasil e Cuenda, narram a estética negra valorizando a indumentária, cabelo, pintura, os adornos, cantos, língua e gestual negro.Com uma militância sócio-política-cultural nos trabalhos realizados em Belo Horizonte (MG) a Cia Baobá vem atuando em escolas, centros culturais e teatros com um intenso trabalho de arte educação e a promoção de debates e seminários sobre a relevância da cultura brasileira em diversos espaços. O Prêmio Zumbi de Cultura realizado na comemoração da Consciência Negra no Palácio das Artes já na III edição é mais uma realização da CiaBaobá de Dança – Minas.

Apresentações em bienais, fóruns e seminários como no I e II Congressode Cultura Yorubá (Bhte,Julho/2010), Caravana Arrumação (Saulo Laranjeiras) nas cidades Neves, Santa Luzia e Jequitibá. Festivais de Inverno de Congonhas (2009), Nova Lima (julho/2010). Comemoração da Consciência Negra no Palácio das Artes – Prêmio Zumbi de Cultura (Novembro 2009 e 2010) Projeto de Dança Insollus – Uberlândia (julho/2010), FIT – Festival Internacional do Teatro (Agosto – 2010) e no Festival de Dança do Triângulo em outubro/2010 em Uberlândia (MG), como companhia convidada. Atuação também noColetivo da Dança em Minas com ações na comemoração do Dia Internacional da Dança, em 29 de abril de 2010 visando intercâmbio, ou seja, uma rede e política cultural para segmento da dança em Minas. Participação na África no III Festival Mundial das Artes e Culturas Negras em Dacar – Senegal/dez/2010 e pesquisa e intercâmbio em Guiné Bissau 2011. Apresentação em Campinas (SP) março/2011 na despedida dos Netos de Bandim no Brasil. I Fest Folk de Belo Horizonte na Pça da Liberdade (abril/2011) e III Caminhada Cultural e Religiosa pela Paz e Contra a Intolerância Religiosa – Pça Sete (BH) maio/2011.

Contato: Júnia Bertolino (Diretora e coreógrafa)- Belo Horizonte/MG (31) 99176762 ou  3467-6762 email. baoba.danca@gmail.com, juniabertolino@yahoo.com.br Site: http://www.myspace.com/ciabaobawww.uniblog.com.br/juniabertolino/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *